sexta-feira, 25 de março de 2011

DAR OU NÃO PAPA AO BICO AOS FILHOTES DOS CANÁRIOS!!!

Pensam que não me custa ver os filhotes mortos nos ninhos, quando dou uma volta pelos ninhos, para verificar como estão os filhotes que acabaram de nascer, e todos os dias recolher entre 20 e 30 filhotes mortos!!!!
Uns morrem porque trazem problemas logo do ovo, e que nem deviam de ter nascido, mas nasceram!!! outros porque as fêmeas são novas, e não lhes sabem dar comida, deixando-os morrer.
Claro que me apetece encher uma grande seringa, como muitos criadores fazem, e encher os papos aos filhotes e tentar minimizar o problema!!!
Eu sei que a tentação é enorme!!!

Embora chegue ao fim da época e consiga aproveitar mais alguns canários, já repararam o trabalho que nos dá, e o stress que nos provoca!!!
Eu fiz exactamente o mesmo durante algum tempo, há alguns anos atrás, parecia um louco a dar com a seringa a 80 casais, mas depois cheguei á conclusão que estava completamente errado, e que me tinha de render ás evidencias, e habituar-me a deixar morrer os que tem de morrer. Mas isto é apenas a minha opinião, e cada um sabe de si....cada criador deve fazer como a sua consciência mandar, embora com o tempo possamos mudar de opinião e de procedimentos.

Senão vejamos o meu raciocínio, embora eu possa estar errado:
Ao dar-mos á seringa, é evidente que vamos salvar canários que á prior nasceram para morrer, porque nasceram com problemas, e esses a natureza encarrega-se de os eliminar,(esses filhotes não sobreviviam na natureza) que é o que deve ser feito, quer nos custe ou não.
Em casos destes não pode haver contemplações, mais ainda quem quiser ter um bom plantel de reprodutores, e de canários saudáveis.

As fêmeas quando são boas mães, normalmente de 2 em 2 horas levam-te para comer, beber, mas principalmente para encher o papo aos seus filhotes, mas se nós lhes enchermos o papo com uma seringa, quando a fêmea pousa na beira do ninho, para lhes encher o papo de comida, e eles ao sentirem o toque no ninho automaticamente se levantam e abrem os bicos, tentando chegar o mais alto possível, como estão de pão cheio, não se vão levantar.( por muito boa que seja a papa que damos á seringa, nunca se compara com a que é fornecidas pela fêmea)

A fêmea que vinha com o papo cheio, com uma vontade enorme de ver os seus filhotes,
acaba por ter de jogar fora a comida, e com o passar dos dias, vai perdendo o interesse por eles.
Depois este procedimento contra a natura, vai fazer com que a fêmea avance mais rápido para a próxima postura

E depois quando os filhotes estiverem na altura de sair do ninho, e que comecem a rejeitar a seringa, quem lhes vai dar comida!!! já pensaram nisso.
Depois se fizerem como eu, passado uns anos tem um plantel de boas mães, porque nós temos a mania de dizer, que as fêmeas não dão comida, mas esquecemos-nos dos problemas que os filhotes trazem logo ao nascer, e de que elas ao se aperceberem, ou não lhes dão comida, ou ate os jogam fora. Ou nunca repararam que por vezes aparece um ou outro filhote no chão caído, que também pode vir agarrado ao peito, quando a fêmea sai muito rápido, normalmente assustada, mas que na maioria dos casos são filhotes doentes que elas se apercebem logo assim que eles nascem, mas que nós humanos ~por enquanto ainda não temos esse dom!!

Para não falar da muda, em que normalmente canários com problemas, que eram para ter morrido, mas que nós com a ganancia de tirar mais alguns, conseguimos fazer com que eles escapassem, acabando alguns deles por morrer, ou por não fazer uma boa muda.
POR TUDO ISTO SERÁ QUE VALE A PENA DAR AO BICO!!!

18 comentários:

Jose disse...

Olá,acho que o seu raciocíniu esta completamente correcto.Eu sou novato na criaçao de canários,no ano passado comecei com 5 casais, as crias que me sobreviveram foi porque lhes dei a tal seringadela, mas nao achava muito correcto,é a tal coisa muitos fazem vou fazer tambem.Este ano o cenario ja é diferente,tenho pena de ver os pequenos morrer mas entendo que tem de ser os reprodutores a dar de comer.Um abraço José Silva

Carlos Faisca disse...

Boa tarde José

Quem tiver tempo, e achar mesmo que deve ajudar, porque acha que sempre que vai ver os filhotes, eles estão de papo vazio, aconselho a dar apenas ao fim da noite, antes da luz apagar, e de menaeira que de tempo dela se meter em cima deles, e nada mais do que isso, embora eu nunca de.

Na maioria das vezes nós é que somos os culpados, poruqe queremos que eles crescam muito rapidamente, ou porque ver o ninho 2 ou 3 vezes e eles estavam sem nada no papo.
Meus amigos se quando tocarem nos nimnhos, os filhotes se levantarem logo, aparecerem logo aqueles bicos muito abertos, é sinal que esta tudo bem com eles.

Um abraço

Carlos Faisca

canaios rui vitorino disse...

concordo plenamente com sigo senhor Carlos.
a mim também me tem-em morrido alguns nunca dei papa com seringa e nem tenho intenções de dar.
os que nascem com saúde e raro morrerem por isso os que morrem e por alguma razão.
tambem tenho tido bastantes ovos branco na primeira postura espero que na segunda postura as coisas melhorem.
que as coisas melhorem para si também.
um abraço Rui Vitorino

Nuno disse...

Boas amigos,
não é facil resistir a esa tentação.
1exemplo ano passado ajudei c\ seringada e 1 dos que ajudei foi 1ave que me ganhou o Internacional...fiz bem ou mal??
Mas se queremos 1lote de boas femeas e fantasticas maes o melhor é nao dar seringada, mas na altura de ver os filhotes de seus melhores casais a morrer quem resiste?raros mesmo muito poucos.

Amigo Faísca animo. Isto numca foi facil nem numca o irá sêr.nem pa iniciantes nem para Pro. È uma aprendizagem diaria e continuada durante anos e anos com altos desafios que por vezes testam a nossa resistencia quer ao stress quer as adversidades que tomam conta da nossa alma e do nosso amor a este desporto. Coragem e confie sempre quer em suas aves quer em suas capacidades pois estas ja o levaram onde milhares de criadores sonham chegar 1vez, quanto mais inumeras como tu já chegas-te. Animo coragem

moranguito_Edu disse...

Olá Sr Faísca, eu este ano também optei por não dar a seringada, ainda assim não está muito mal, morre uma cria ou outra, mas não sei até que ponto será por essas mesmas crias terem problemas logo à nascensa, ou porque a fêmea não alimentou porque ja tinha um problema e a fêmea não alimentou ou porque a fêmea como é nova não alimenta convenientemente, mas não dou seringa porque também não tenho grande dsponibilidade.
COncordo quando o Sr Faísca diz que estamos alimentar os que estão bons e os que estavam condenados, ou seja alimentamos os bons e os que não o são, por essa razão é que tabém deixei de dr seringa, porque assim só sobrevivem os bons.
Continuação de boas criações e que as coisas melhorem!

Abraço

Eduardo Garcia

Carlos Faisca disse...

Boa noite

Esta noite, estive a passar a revista em todos os ninhos, tarefa que gosto de fazer, se tiver tempo 2 vezes por dia, senão pelo menos ao fim do dia convem dar sempre uma vista de olhos pelos ninhos.

Tenho uma femea minha a criar 4 filhotes filhos de um canario italiano, que ainda ha 2 dias os tinha anilhado, e pareciam estar optimos, ontem reparei que eles já não estãvam tão bem, ainda pensei em troca-los de ninho, acabei por não o fazer, hoje á noite quando dei a volta pelos nonhos dou com 2 enormes, bem desenvolvidos e cheios de vida, impecaveis, e os outros 2 enrolados, sem comida, já nem força tem para pedir comida.

Agarrei neles meti-os dentro de um guadanapo e matei-os para não sofrerem 2 ou 3 horas ate morrerem, e joguei-os para o lixo.

Não custou mais a ninguem do que a mim!!!se podia ter dado a seringada e os ter salvo, claro que podia, e possivelmente ate tira-va dali algum can´rio capaz de marcar numa exposição, mas tambem tenho o reverso da medalha, será que depois esses mesmos canarios, não irão ser portadores de nada que eu não queira introduzir no meu plantel!!!

É melhor nem pensar nisso.
Boas criações para todos, com ou sem seringadas, espero que consigam obter muito bons exemplares.
Um abraço
Carlos Faisca

Fábio Geraldes disse...

Amigo Carlos roubaram me o meu email e gostaria de voltar a conversa consigo enviei lhe 1 novo email a dias mas ainda n obtive resposta agradecia se possivel que me voltasse a reenviar o 1 email


muito obrigado e continuaçao de boas criaçoes


grande abraço

Fábio Geraldes

PS: novos emails


slb_fever@sapo.pt


ou

2fast4you1@gmail.com

Carlos Faisca disse...

Bom dia srºFabio

Eu já reenviei o mesmo mail que lhe tinha enviado na 1ºvez, mas vou faze-lo novamente. Não tem problema.

Um abraço

Carlos Faisca

Fábio Geraldes disse...

boa noite sr carlos, bom para mim nao precisa tratar por sr lol tenho apenas 25 anos e nao gosto ca dessas coisas lol


para qual dos emails reenviou? nao recebi em nenehum :(

Carlos Faisca disse...

Boa noite Fabio

respondendo ao teu mail.e ao qual já respondi 2 vezes para mails diferentes.

Tambem concordo que os canarios s/factor vermelho são os mais indicados para quem vai começar e ainda não tem experiencia neste hobbie, mas penso não ser o teu caso, porque embora tu não tenhas experiencia, tens "familiares"que criam canários há já algum tempo, e que te podem ajudar.
Como tal deves criar com a raça que mais gostares.
Eu dou o corante por volta dos 40 dias, mais dia menos dia, que é quando os passos para as voadeiras.
Todos tem de levar corante na muda se forem c/factor vermelho.

Falaste que gostas tambem dos castanho opala amarelo mosaico, é uma raça muito boa para começares, ainda tem a vantagem de criarem muito bem, e de nãolevarem corante.
Podes me vir visitar no mês de Agosto, não tem problema, é questão de me ligares a combinar.

Sobre os canarios depois falamos.
Para começares qualquer raça, 1 casal é pouco, e tambem não sei se em Agosto será a melhor altura para levares os canarios, pois penso que estaram ainda todos na muda. Aconselho-te a comprares apenas a partir de outubro, mes em que alguns játerminaram a muda. Não vale a pena te precipitares, assim quando cá vieres ficas logo a ver qual das raças te agrada mais, porque ao vivo é diferente das fotos.

Um abraço

Carlos Faisca

Luis disse...

Eu acho isso muito bem tenho 20 casais crio canários a 4 anos nunca dei seringa a nenhum mas val um canário forte e saudavel do que 3 artificias que acabam por nunca ser igual aos outros .

um abaraço Luís Oliveira

Fábio Geraldes disse...

fico ja com uma ideia o problema disto tudo é o investimento inicial lol quanto vou precisar eu tendo em conta que nem gaiolas tenho?

uma estimativa? incluindo preço dos canarios

Carlos Faisca disse...

Boa tarde Fabio

Vou ser honesto consigo, e esta conversa serve para todos os criadores que vão, ou querem começar este hobbie.

Embora eu seja suspeito para falar sobre este assunto, porque como é evidente preciso de vender os meus canários como qualquer outro criador, mas tento sempre aconselhar bem quem me procura para os comprar,

Quando estamos a começar, e ouvimos falar do valor de um canário ficamos logo alarmados e a ideia é logo, mas com esse valor posso comprar um casal, então em vez de comprar um casal desses, vou comprar 2 dos outros,(são mais baratos) e ate aqui tudo certo, eu compreendo perfeitamente a posição de qualquer criador que tem de investir na aquisição de qualquer exemplar. É evidente que se eu puder pagar x por um canario, porque irei pagar y!!!!

Mas se repararem eles comem exactamente o mesmo, e já repararm no preço que esta a chegar a sua alimentação.

Penso que quem tem pouco dinheiro para dispender, e se quer iniciar neste hobbie, deve primeiro ver bem a raça que gosta, e se essa raça é a raça certa para começar, e se o criador a quem vão adquiri-los tem qualidade, nada como ver com os proprios olhos, depois devem comprar alguns casais da mesma raça, e da melhor qualidade possivel.
Para isso tudo depende do que se possa investir, no ano seguinte com a venda de alguns dos filhotes tirados, logo começa com outra raça, e assim sucessivamente.
Em relação ás gaiolas, já não posso opinar, cada um sabe de si.

Um abraço

Carlos Faisca

Fábio Geraldes disse...

boa noite sr carlos

mas saberá certamente alguns sitios onde poderei arranjar mais barato ou mesmo que nao seja mais barato o tipo de gaiola ideal...

nao me respondeu foi o preço dos canarios gostava de ter uma ideia de tudo o que preciso para começar desde ja a armazenar lol
eu acho que o melhor para mim será começar com os opalas talvez 1 macho e duas femeas!


grande abraço

Fábio Geraldes

saudaçoes benfiquistas

Fábio Geraldes disse...

tudo/quantos € lol

Fábio Geraldes disse...

bom dia sr Carlos ja percebi que nao gosta muito de falar no preço dos seus canarios, quero lhe apenas dizer que eu cada 1 vende ao preço que quer nao pense que eu lhe direi mais tarde que é muito caro ou algo parecido as condiçoes postas na mesa tenho duas soluçoes ou compro ou nao compro lol


nao me leve a mal estou a apenas a brincar preciso so de saber pelo menos os preço dos canarios ;)

Carlos Faisca disse...

Bom dia Fábio

Eu não sei os canarios que irei tirar, nem faço preços aos canários hoje, para te entregar em outubro. Nem sei o que me espera esta criação. è tudo muiuto relativo.
Depois aqui talvez não seja o sitio certo para falar de preços.

Manda-me um mail, que eu te dou uma ideia dos preços, para ficares descansado.
Neste momento estou mais preocupado com a criação.
Por vezes nem venho ao blog. Mas amanhã se tiver tempo logo meto aqui qualquer coisa.

Um abraço

Carlos Faisca

Fábio Geraldes disse...

ha ok nao tem problema sr carlos eu respeito isso claro!


tenho ainda alguns problemas com o email mas assim que tiver tudo resolvido entrarei em contacto consigo :)


grande abraço e boa continuaçao de criaçao!